sábado

um dia menos bom

o dia até começou minimamente bem, normal, igual a tantos outros. acordar cheia de sono, custar a sair da cama, senti-la vazia, grande demais para mim, voltar a adormecer e acordar com mais um toque do despertador. finalmente ganhar coragem e saltar da cama. abrir a persiana para não ter a tentação de voltar novamente para o quentinho. banhito, lavar as dentuças, cremes e mais cremes (o sol não perdoa). pequeno-almocito leve, arrumar as coisas para partir para coimbra.
mas não fui para coimbra. e aqui começou o dia menos bom. resolvi passar pela farmácia para comprar um medicamento que tinha acabado e que, infelizmente, tenho que tomar todos os dias não sei durante quanto tempo...
acabei por deixar na farmácia uma fortuna... é sempre a mesma coisa...
depois lembrei-me de ir deixar os sapatos que tenho de usar amanhã a arranjar. e aqui começaram os problemas. a caminho do sapateiro bati com o carro. o velho que seguia à minha frente parou sem quê nem porquê e eu não consegui evitar o acidente. só chapa, ok, nada demais. mas é mais um problema para a minha cabeça, o carro partido à frente, e o remédio que não tinha tomado a começar a mostrar por que é imprescindível. o senhor do outro carro não parou. uma quantidade de gente à minha volta e eu sem saber o que fazer. o outro tinha ido embora. um senhor simpático lá me ajudou, acalmou e limpou as lágrimas que não consegui conter... (incrível para quem me conhece... eu a chorar por ter batido... como é que é possível? como é que por uma coisa de nada eu me deixei ir abaixo...?)
entretanto o outro lá apareceu. e depois a confusão de preencher os papéis. e mais uma vez o engano. LOL parece karma... nunca preencho a declaração amigável bem... da outra vez (até hoje a única) que a preenchi (supostamente), enganei-me no papel e o acidente que tive à porta de uma pessoa mt importante para mim (que por acaso estava a assistir impávido e sereno à minha manobra... LOL), mesmo aqui nesta terrinha, foi como se tivesse acontecido do outro lado do mundo, porque a declaração era para acidentes no estrangeiro... hoje o senhor resolveu separar as duas folhas da declaração... lá tive que repetir toda a operação...

conclusão: dinheiro gasto na farmácia, dinheiro que vou ter de gastar com o meu carro, não fui à pós-graduação....

no meio de tudo isto, conheci um senhor fantástico. ainda há pessoas simpáticas nesta terra. a ele o meu obrigada. e o meu carinho.


para concluir... trabalho................................................. e ficar parada em filas 3 vezes, pela mesma razão: o trabalho que tinha que fazer.... e eu a sair do carro partido, deixar os quatro piscas ligados, e correr para tentar apanhar o melhor angulo... LOL

enfim.....

espero que quem aqui vem, quem me lê, tenha tido um dia melhor. mais sorridente.

4 razões

At 7:45 da tarde, Blogger charlie disse...

q aventura!!! :S

espero q estejas bem, isso é q é imp!
uma banhoca refrescante vai saber bem! :P

beijinho fofo e doce
e um xii apertado e gigante
do cb

 
At 11:03 da tarde, Anonymous Cupid disse...

...Ó linda...
Até me custou ler o que escreveste...e essas lágrimas...Devia ter ido para a Figueira, mas tambem eu tive problemas aqui em Lx...a única coisa que parti, foram pratos, copos e chavenas de cafe, enquanto fazia a minha boa acçao de levar o tabuleiro com a loicita suja, para ajudar a sra. da limpeza...

Estou aqui, sempre.
Beijinhos.
C.

 
At 11:20 da tarde, Blogger gata disse...

mais vale chorar do que conter.
foi um dia mau, mas pelo menos não te magoaste, foi só chapa, há dinheiro para pagar o arranjo. eu sei que estou a ser demasiado pragmática... mas estar a dizer te que foi um dia horrível não vai melhorar em nada, pois não? então tento outras formas ;)

gosto muito de ti ***

 
At 12:08 da tarde, Blogger borbolletta disse...

parecendo tb demasiado pragmatica, k é o k sou nestas coisas...nao te magoaste, há dinheiro pra pagar o estrago, entao ta td bem;) o dia hoje sera melhor:)
beijinho

 

Enviar um comentário

<< Home